domingo, 26 de junho de 2016

[Opinião] AS Esganadas - Jô Soares

Editora: Companhia das Letras

N° de Páginas: 259

Quote:
Senhora dona Yolanda, se me permite, sua declaração tem uma característica universal. Toda mulher do mundo acha que precisa perder dois quilos. O que disse já foi repetido em todas as demais línguas faladas no dito mundo civilizado. Sabe como a mulher chega a esta conclusão? Observando-se nas fotos. No espelho, acontece uma correção inconsciente do corpo, e ela apresenta o melhor ângulo de si mesma. Numa fotografia, as pessoas aparecem chapadas no papel. Ninguém faz de si uma imagem real. Nos achamos um pouco melhores do que somos. Por isso é tão comum ouvir-se a frase: 'Estou horrorosa nesta foto!'. Geralmente, não é verdade. De modo que posso garantir à senhora, dona Yolanda, que a sua beleza é irreprochável."

Sinopse:
  Como ator e comediante, o Jô é um grande fazedor de tipos. Sabe como poucos construir um personagem, defini-lo com um detalhe e dar-lhe vida com graça e inteligência. Como autor, essa sua maestria se expande: os tipos são postos no mundo e, mais que no mundo, numa trama - e o seu criador (eu quase escrevi Criador, pois não deixa de ser um trabalho de Deus) se solta. Toda a ficção do Jô é feita de grandes personagens envolvidos em grandes tramas.
  Os tipos e a trama deste livro são especialmente engenhosos, e através deles o autor nos dá um retrato saboroso do Rio de Janeiro no fim dos anos 30 e começo do Estado Novo - o Rio das vedetes que davam e dos políticos que tomavam, das estrelas do rádio e das corridas de "baratinhas". E nesse mundo em ebulição chega uma figura portuguesa, saída de um poema do Fernando Pessoa, para elucidar o estranho e terrível caso das gordas desaparecidas que... Mas leia e fique sabendo. Só posso dizer que a trama deixará você, ao mesmo tempo, horrorizado e com fome. e que depois da leitura os pastéis de Santa Clara jamais significarão o mesmo. 

Opinião:
  Então... por onde começo?
  Procrastinei por mais de um ano e meio para, finalmente, ler esse livro... talvez não tenha sido a época ideal, o livro acabou me cansando em certos momentos, e só por isso eu tirei uma estrela de sua classificação, mas acho que isso teve mais a ver comigo do que com o livro mesmo, afinal, ele é divertidíssimo.
  Nunca acompanhei nada do Jô Soares, nunca me interessei muito pelo trabalho dele ou por ele como pessoa, não sei dizer exatamente o porquê disso, ele só não despertava o meu interesse.
  No meu aniversário de 22 anos ganhei esse livro do pessoal que trabalha comigo, e como nunca havia me interessado pelo autor, ele ficou lá na estante, esses quase dois anos, lacradinho, esquecido e abandonado... até que vi um vídeo da Nina (esse aqui) que, finalmente, despertou meu interesse...
  O fato é que o livro não foi tão fantástico quanto eu esperava que fosse. Ele é sim, interessante e por vezes engraçado e divertido (não tenho certeza se essa era a proposta, mas morri de rir em vários momentos), os personagens, em especial o português, Esteves, são incrivelmente carismáticos, me lembraram os personagens de Arkansas, um livro que só vale pelos personagens.
  Vendo o título eu imaginei que as mulheres morressem esganadas, não que elas fossem esganadas no sentido de gula, morrer de tanto comer e coisa e tal.
  A escrita do autor é simples, direta e agradável, mas um pouco para frente da metade o livro começou a me cansar, não sei se pelo fato de conhecermos desde sempre os dois lados da história tenha tirado um pouco do encanto, no caso não acho que o problema seja exatamente esse, mas acredito que é preciso muito talento para manter a história com ritmo e o leitor interessado mostrando os dois lados, não estou falando que o Jô não possua talento, mas a meu ver ele foi meio infeliz nessa parte, ele não conseguiu me segurar empolgado e interessado até o final do livro.
  Um exemplo de quem consegue mostrar ambos os lados da história simultaneamente e ainda fazer o leitor ficar cada vez mais interessado no livro é Traição em Família, do David Baldacci, livro que vocês já devem estar enjoados de me ouvir falar dele, mas enfim...
  Em suma é um livro bom, muito bom inclusive... mas ele vai perdendo ritmo enquanto o autor vai perdendo o interesse, tudo isso na mesma velocidade onde as personagens obesas vão perdendo a vida. Alguns assassinatos são meio convenientes demais, sabe? Quando as coisas estavam muito maçantes, nada estava acontecendo: Opa! uma morte a mais, ou em uma situação que apesar de desesperada fez sentido: Opa! Uma morte que não se encaixa no Modus Operandi do cara. Os personagens são sim bem construídos, mesmo aqueles que aparecem e morrem no mesmo capítulo... mas, cansativo.


Compre pela Amazon e ajude o blog:
As Esganadas


6 comentários:

  1. Oi, Rudi!
    Tão ruim quando uma leitura vai se arrastando, né?! Pelo menos não era um livro pelo qual você nutrisse grandes expectativas. Confesso que a sinopse não me chamou a atenção.

    Beijos, Entre Aspas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Carla,
      Mas mesmo assim é triste... o livro que terminei depois desse foi uma decepção maior ainda, porque aquele sim, eu esperava que fosse incrível. Fazer o que!

      Excluir
  2. Eu só li um livro do Jô que foi "O Homem que matou Getúlio Vargas", faz mais de três anos, mas confesso que em surpreendi demais com ele. Não dava nada só por conta do autor. Realmente tinha um certo preconceito e apesar de ter gostado bastante não fui atrás de outros livros dele. Quem sabe eu leia esse aí qualquer hora para saber se aquele não foi um golpe de sorte, haha

    literalizza.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não digo que tenha sido um tiro de sorte, esse livro é bom, mas enrolado... vai passando e se tornando cansativo... tenho curiosidade de ler outras coisas do autor, mas em um futuro não tão breve

      Excluir
  3. Estou lendo devagar os seus textos. Repito, gostei da maneira como você escreve rs.

    Também não vejo no Jô uma pessoa interessante, vai ser muito difícil eu pegar um livro dele pra ler.

    Só pra constar - http://cafeebonslivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kelly,
      Que bom ^^
      Será sempre bem-vinda

      Fiquei interessado esses tempos pelo O Xangô de Baker Street, mas esse interesse ja sumiu kk

      Excluir



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...